19 de jun de 2014

Sintonia In Concert: Arturo Toscanini


Arturo Toscanini foi um maestro italiano nascido na cidade de Parma em 1867 e é considerado um dos maiores regentes do século XX.

Estudou violoncelo na adolescência e chegou a excursionar com uma orquestra pela América do Sul, inclusive no Brasil, na cidade do Rio de Janeiro. Iniciou sua carreira como maestro aos 19 anos de idade em 1885.

Ao voltar para a Itália, participou da ópera de "Lá Bohème" de Giácomo Puccini em 1896 e regeu no Scala de Milão em 1898 onde ficou por dez anos, no Metropolitan Opera de Nova York, nos Estados Unidos entre 1908 e 1915. Voltou novamente a se apresentar no Scala em 1926, onde conduziu a ópera "Turandot", de Puccini. Antes, ele levou a Orquestra do La Scala para os Estados Unidos em uma turnê entre 1920 e 1921, onde fez sua primeira gravação.

Notabilizou-se como intérprete das obras de Brahms, Beethoven e Verdi. Toscanini celebrizou-se, sobretudo, por sua constante preocupação em exprimir as intenções dos compositores cujas obras executava.

Ele ainda voltou para os Estados Unidos onde, em 1937, tinha sido criada a Orquestra Sinfônica NBC. Após o início da Segunda Guerra Mundial, o regente continuou a morar em Nova York e não voltou mais para a Europa. Excursionou nos países sulamericanos a partir de 1940.

Em abril de 1954, Toscanini sofreu de um lapso de memória durante uma apresentação no Carnegie Hall em Nova York, supostamente causado por um ataque isquêmico transitório. Depois disso ele nunca mais realizou concertos em público. Três anos depois, veio a falecer em Nova York aos 89 anos de idade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário