6 de jul de 2014

Quem é Roberto Carlos?

Roberto Carlos - É Proibido Fumar

Roberto Carlos Braga nasceu na cidade de Cachoeiro do Itapemirim, estado do Espírito Santo no dia 19 de abril de 1941, sendo um dos quatro filhos do relojoeiro Robertino Braga e da costureira Laura Moreira Braga.

Ainda na infância, ocorreu-lhe um acidente que marcaria para sempre a vida do futuro cantor e compositor: aos 6 (seis) anos de idade, Roberto Carlos foi atropelado por uma locomotiva e teve que amputar parte de sua perna, precisando usar muletas por um tempo. Com o passar dos anos, aprendeu a tocar violão e guitarra no Conservatório Musical de Cachoeiro de Itapemirim, e começou a cantar aos 9 anos na Rádio de Itapemirim, interpretando Bob Nelson. Em 1955 foi morar em Niterói com sua família, onde cursaria o colegial. Logo depois, muda-se para o Rio de Janeiro onde inicia o curso de madureza.

Entre 1957 e 1958, Roberto conheceu novos amigos que estavam iniciando a carreira musical como Tim Maia (com quem forma a banda The Sputniks ao lado de Arlênio Lívio e Wellington Oliveira) e seu futuro parceiro nas composições Erasmo Carlos (com quem também teve uma breve passagem na banda The Snackes). Roberto chegou a trabalhar como crooner na Boate Plaza, no bairro de Copacabana, no Rio de Janeiro, cantando bossa nova, mas o rock'n'roll estava começando a se tornar febre no Brasil e ele se torna um dos pioneiros do gênero no país.

E quem lhe abriu as portas para o sucesso foi Carlos Imperial, produtor e apresentador musical da TV Tupi no programa "Clube do Rock". Roberto Carlos gravou seu primeiro compacto em 1959 com as músicas "João e Maria" (parceria dele com Carlos Imperial) e "Fora do Tom" em 78 rpm, sem muita repercussão. Também gravou mais um compacto no mesmo ano e um LP em 1961 intitulado Louco Por Você, com maior parte das composições de Imperial. Por sugestão da gravadora, muda o estilo e adota de vez ao rock, gravando o disco Splish Splash em 1963 e emplacou seu primeiro sucesso "Parei na Contramão". No ano seguinte, ganhou o Prêmio Roquete Pinto com o LP É Proibido Fumar.

Em 1965 virou ídolo graças ao programa Jovem Guarda, da TV Record de São Paulo, onde alcançou sucesso nacional, comandando ao lado de Erasmo Carlos e da cantora Wanderléa, seus parceiros mais frequentes. A partir daí, ficou conhecido como "o Rei" pela juventude brasileira.







Nenhum comentário:

Postar um comentário